Aproveitamentos Florestais

 

Além do estrato herbáceo que compõe as pastagens do montado, este apresenta dois outros estratos vegetais bem diferenciados: o arbóreo e o arbustivo.

O arvoredo, protagonista do montado, é maioritariamente composto por espécies do género Quercus, principalmente azinheiras e sobreiros, embora possamos encontrar também outras espécies como o carvalho-negral, o freixo, ou o carvalho-cerquinho.

Por outro lado, o estrato arbustivo que o acompanha é composto por medronheiros, adernos, lentiscos, estevas, retamas, entre outros.

Toda esta diversidade vegetal permite a obtenção de uma grande variedade de produtos como a cortiça, a lenha, o carvão vegetal, as ramas ou as bolotas, todos eles obtidos diretamente do arvoredo.

Mas a presença de árvores e arbustos permite o desenvolvimento de outros recursos no montado, dando lugar a outros tipos de aproveitamento florestal…. como a colheita de cogumelos, a produção de mel, ou as plantas aromáticas.

Estes trabalhos implicam o fornecimento de recursos complementares para a economia rural.